• ethereumEthereum (ETH) $ 3,255.65 2.85%
  • bnbBNB (BNB) $ 608.80 1.08%
  • solanaSolana (SOL) $ 157.71 2.54%
  • usd-coinUSDC (USDC) $ 1.00 0.12%
  • xrpXRP (XRP) $ 0.551453 0.6%
  • staked-etherLido Staked Ether (STETH) $ 3,250.88 2.74%
  • the-open-networkToncoin (TON) $ 5.85 6.05%
  • cardanoCardano (ADA) $ 0.501897 2.74%
  • avalanche-2Avalanche (AVAX) $ 39.25 2.46%

Como realizar investimentos em criptomoedas através da Bolsa de Valores?

Foto do autor

Felipe Nascimento

Publicado em

A solicitação de numerosos investidores finalmente foi atendida: agora é possível realizar investimentos em criptomoedas na Bolsa de Valores do Brasil.

Anteriormente considerado um cenário inatingível, atualmente, é simples se beneficiar do mercado de moedas virtuais de maneira mais segura. Portanto, este conteúdo lhe mostrará como realizar investimentos em criptomoedas na B3.

É justo afirmar que as criptomoedas tornaram-se uma das escolhas preferenciais de investidores ao decidirem onde alocar seus recursos. Nos últimos anos, os criptoativos destacaram-se no mercado financeiro e atraíram a atenção de indivíduos globalmente.

  • UM ESTUDO DIVULGADO PELA CRYPTO.COM EM JUNHO DE 2022 INDICA QUE APROXIMADAMENTE 221 MILHÕES DE INDIVÍDUOS AO REDOR DO MUNDO INVESTEM EM CRIPTOMOEDAS.

Entretanto, o mercado de criptoativos ainda é percebido como complexo. Visando facilitar a entrada de brasileiros neste setor, em 2021, foi lançado na B3 o primeiro ETF baseado em criptomoedas, o ETF HASH11. Após este lançamento, outros ETFs de criptoativos foram introduzidos no Brasil.

Este conteúdo visa simplificar e explicar como investir em criptomoedas, abordando desde os conceitos básicos até os procedimentos necessários para efetivar o investimento.

Ao longo deste conteúdo, você encontrará informações sobre:

Como realizar investimentos em criptomoedas através da Bolsa de Valores?

  • O que são criptomoedas.
  • As criptomoedas com maior valorização no mercado.
  • A funcionalidade dos ETFs de criptomoedas.
  • O investimento mínimo exigido para criptomoedas.
  • O processo detalhado para investir em criptomoedas.
  • Os riscos associados ao investimento em criptomoedas.

Antes de detalharmos o processo de investimento em criptomoedas na Bolsa, é crucial compreender os conceitos subjacentes a esses ativos digitais. Veja mais a seguir.

O que são criptomoedas?

Criptomoedas são ativos digitais que operam com base em criptografia. A tecnologia subjacente à negociação dessas moedas virtuais é conhecida como Blockchain, um banco de dados que registra detalhes de transações envolvendo criptoativos.

As criptomoedas emergiram com a proposta de ser um meio de pagamento virtual e descentralizado, isto é, independente de instituições financeiras ou bancos centrais. Sua popularidade decorre da agilidade e da ausência de intermediários nas transações.

  • EM DEZEMBRO DE 2022, A REGULAMENTAÇÃO DO MERCADO DE CRIPTOMOEDAS FOI APROVADA.

Conforme divulgado pela Agência Câmara de Notícias, a Lei 14.478/22 define ativo virtual como a representação digital de valor que pode ser negociada ou transferida eletronicamente e usada para pagamentos ou como investimento.

O Banco Central será responsável por estabelecer os prazos e condições para a adaptação às novas normativas pelas empresas de serviços de ativos virtuais.

Dada a recente regulamentação, muitos investidores optam pelos ETFs de criptomoedas como uma forma mais acessível de investimento.

Leia também: 

Quais são as criptomoedas mais valorizadas do mercado?

 criptomoedas mais valorizadas do mercado

Ao mencionar criptomoedas, o Bitcoin geralmente é o primeiro que vem à mente. No entanto, existem outras moedas virtuais valorizadas e populares no mercado, como Ethereum (ou Ether) e Tether (USDT), uma stablecoin atrelada ao dólar americano.

Como funciona o ETF de criptomoedas?

Os ETFs de Criptomoedas, como o HASH11, acompanham índices de referência do mercado cripto, proporcionando um meio simplificado de investir nas principais criptomoedas por meio da Bolsa de Valores.

Outros ETFs de criptomoedas disponíveis na B3 são:

  • BITH11
  • ETHE11
  • QBTC11
  • QETH11

A estrutura do HASH11 é atualizada trimestralmente. Contudo, criptoativos como o Bitcoin e o Ethereum compõem uma significativa parcela desse índice.

Qual é o valor mínimo para investir em criptomoedas?

Não há um valor mínimo específico para investir em criptomoedas, variando conforme a plataforma de investimento escolhida. Para ETFs como o HASH11, o investimento inicial pode variar de R$35 a R$55 no primeiro semestre de 2021.

Como investir em criptomoedas com segurança?

Investir em criptomoedas pela Bolsa oferece uma alternativa segura, dada a regulamentação do mercado e a estrutura da B3. Antes de investir, é essencial conhecer seu perfil de investidor e buscar conhecimento adequado.

Passo a passo para investir em criptomoedas:

 pessoa investindo em criptomoedas

  1. Abra uma conta em uma corretora de valores: Selecione uma corretora que permita investimentos em criptoativos.
  2. Envie dinheiro para sua conta: Realize uma transferência bancária para alimentar sua conta na corretora.
  3. Escolha o ETF de criptomoedas: Na plataforma da corretora, selecione o ETF desejado e defina a quantidade de ativos a comprar.

A importância da diversificação ao investir em criptomoedas

Diversificar seus investimentos é crucial para mitigar riscos, especialmente no volátil mercado de criptomoedas. Isso permite balancear sua carteira de investimentos, combinando criptoativos com outros tipos de ativos.

Investir em ETFs de criptomoedas pela Bolsa de Valores pode ser uma forma segura e regulamentada de explorar o mercado de moedas virtuais. Abra sua conta em uma corretora e comece a descobrir as oportunidades que a Bolsa oferece.

  • Esta analogia ilustra a importância de possuir uma variedade de ativos de diferentes setores em seu portfólio.

Particularmente ao considerarmos a ampla gama de opções disponíveis na Bolsa de Valores, é claramente viável encontrar diversas alternativas para aplicar seu capital e formar um portfólio diversificado, que não esteja atrelado a apenas um tipo de ativo.

Assim, é possível afirmar que investir em um ETF de criptomoedas oferece a oportunidade de participar do mercado de moedas digitais, ao mesmo tempo em que permite uma diversificação com outros ativos. Interessou-se por essa maneira de investir em criptomoedas? Então, clique no link a seguir, abra sua conta gratuitamente e comece a descobrir essas e outras oportunidades disponíveis na Bolsa.

Leia Também: Golpes das criptomoedas: Estratégias para Proteção

Acompanhe nossa página no youtube

Deixe um comentário