• ethereumEthereum (ETH) $ 3,251.34 2.59%
  • bnbBNB (BNB) $ 609.92 0.75%
  • solanaSolana (SOL) $ 157.31 2.05%
  • usd-coinUSDC (USDC) $ 0.999724 0.01%
  • staked-etherLido Staked Ether (STETH) $ 3,251.17 2.68%
  • xrpXRP (XRP) $ 0.545973 0.22%
  • the-open-networkToncoin (TON) $ 5.81 3.67%
  • cardanoCardano (ADA) $ 0.498539 3.77%
  • avalanche-2Avalanche (AVAX) $ 39.03 1.79%

Dólar atinge a marca de R$ 5 antes das decisões sobre política monetária

Foto do autor

Felipe Nascimento

Publicado em

Em São Paulo, nesta sexta-feira, o dólar registrava uma leve valorização, ultrapassando a marca de R$ 5 nas máximas do dia, em um cenário de cautela dos investidores antecipando as decisões de política monetária do Brasil e dos Estados Unidos na próxima semana.

Às 10h15, horário de Brasília, o dólar comercial apresentava uma alta de 0,14%, cotado a R$ 4,9948 para venda. No mercado futuro, o contrato de dólar com primeiro vencimento estava em alta de 0,04%, negociado a R$ 5,002.

Durante o pico do dia, a moeda americana atingiu R$ 5,0024 para venda, representando um aumento de 0,29%. O dólar já havia superado brevemente a barreira psicológica de R$ 5 na segunda-feira, sendo que a última vez que havia atingido esse nível foi no início de fevereiro.

 dólar

  • “A expectativa de poucos eventos importantes no calendário econômico antes da reunião do Federal Reserve, que decidirá sobre as taxas de juros e atualizará seu gráfico de projeções na próxima semana, pode manter o mercado volátil à medida que os investidores recalibram suas expectativas com base nas informações desta semana”, apontou a Guide Investimentos em comunicado aos seus clientes.

Na quarta-feira da próxima semana, o Federal Reserve concluirá sua reunião de política monetária, com a previsão predominante de manutenção da taxa de juros, aguardando um possível corte em junho. Essa perspectiva se fortaleceu após dados recentes indicarem uma elevação maior que a esperada no índice de preços ao produtor nos EUA e um aumento nas vendas no varejo abaixo do previsto, sinalizando uma possível desaceleração econômica.

“O mercado adotou uma postura mais conservadora, com visões pessimistas sobre o futuro econômico dos EUA no curto prazo, onde a economia pode começar a desacelerar enquanto a inflação ao consumidor permanece elevada, pressionando o Federal Reserve a manter uma política monetária restritiva por mais tempo”, explicou Leonel Mattos, analista da StoneX.

No Brasil, a expectativa unânime é de que o Banco Central reduza a taxa Selic em 0,50 ponto percentual para 10,75% em sua próxima reunião de política monetária, também na quarta-feira da próxima semana.

Mesmo com essa previsão consolidada, economistas estão atentos a eventuais ajustes na direção futura da política monetária do Banco Central, conforme indica uma pesquisa da Reuters divulgada hoje.

No dia anterior, o dólar comercial fechou em alta de 0,27%, cotado a R$ 4,9877 para venda.

Leia Também: Solana se valoriza apesar da retração do mercado – SOL pode atingir os US$ 200?

Acompanhe nossa página no youtube

Deixe um comentário